Datas de aniversários, comemorativas, etc.Alguns preferem se basear em datas comemorativas próprias ou de familiares, como aniversários, casamentos, etc.

Contra: O problema desse método é que podem gerar apostas “viciadas” (você vai ver muito disso nos demais casos). O vício aqui é normalmente limitar as dezenas até a 31.

O que são apostas viciadas?

São apostas elaboradas com métodos populares. Matematicamente qualquer aposta tem a mesma chance de ser sorteada, mas o problema é que essas apostas tendem a estabelecer limitações, padrões e repetições nas escolhas dos palpites. E, como sabemos, o sorteio deve ser totalmente aleatório.

  • Veja nesta reportagem como as apostas viciadas podem reduzir seus ganhos drasticamente em caso de premiação.

  • Números mais/menos sorteados


    Uma das maneiras mais populares é escolher as dezenas que foram sorteadas mais ou menos vezes.
    Contra: Por ser popular, já é indicativo de vício e você pode ter que dividir o prêmio com muitas pessoas (veja o quadro sobre vício). Além disso, as análises (até julho/15) concluíram que em nenhum concurso todos os números mais sorteados (em ordem) apareceram juntos.

  • Números mais atrasados


    Assim como o método anterior, escolher as dezenas que estão há mais tempo sem serem sorteadas é muito comum entre os apostadores.
    Contra: As mesmas desvantagens em jogar as mais sorteadas. Estatística é apenas um guia: só porque uma dezena está há muito tempo sem ser sorteada, não significa que será sorteada no próximo concurso: todas tem as mesmas chances de sair.

  • Números da sorte


    Talvez seja o método mais popular de todos. Aqui é usada muito a nossa superstição.
    Contra: É um bom método apenas porque é mais aleatório do que os demais acima. O problema é confundir com outros métodos “viciados”, como datas comemorativas.

  • Números que já foram (ou não) sorteados


    Alguns fazem análises de concursos anteriores e utilizam planilhas para jogar (ou não) os números que já apareceram em outros concursos.
    Contra: Em loterias as probabilidades são milhares ou milhões. Quando alguém disse que é improvável as mesmas dezenas se repetir em um futuro concurso, o mesmo vale quando alguém estiver fazendo suas apostas: ao não ser que vá jogar milhões de apostas, é improvável que escolha as mesmas dezenas de um concurso passado, então por que gastar tempo analisando planilhas? Além disso, é improvável, mas não é impossível… se alguém escolheu as mesmas dezenas de um concurso anterior, já teve muita sorte, e então não vai jogar?
  •  Por que o site Guia da Loteria apresenta estatísticas?

    Estatísticas são apenas um guia para ajudar na escolhas das dezenas. Muitos apostadores também querem saber como seus números da “sorte” estão indo nos sorteios.
  • Para guiar ainda mais os apostadores que se baseiam em estatísticas a tirar suas próprias conclusões, nós mostramos uma análise das estatísticas a cada resultado de concurso.

  • Surpresinha da máquina lotérica: Muitos não querem o trabalho de preencher os volantes ou não se importam em escolher as dezenas e optam pela aposta surpresa gerada pela máquina.
    Contra: Seria um dos melhores métodos para fazer as apostas, se não fosse por um importante motivo: além de escolher as dezenas, faz o papel de combiná-las em várias apostas.
  • A não ser que vá fazer apenas uma aposta, esse método pode estar desperdiçando a oportunidade de melhorará-las. O problema está na concentração de dezenas feitas por combinações aleatórias (sem estratégia).

  • Padrões nos volantes


    Alguns apostadores quando estão preenchendo os volantes, optam por preencher baseando-se em padrões: dividir em quadrantes, escolher por linhas, colunas, cruzamentos, etc.
    Contra: Também é uma boa escolha se for feita de forma mais aleatória, ou seja, se não se basear em alguns vícios na hora preencher as dezenas.

Aleatoriamente

Pode parecer uma supresa para você, mas demos 5 estrelas para esse método. Não porque ele aumenta as suas chances de ganhar, aliás, para qualquer método que for usado, as chances de uma aposta simples serão as mesmas. Mas porque é um método mais parecido com o método do sorteio das loterias de números.

E um método parecido dever ser sem vícios, sem limites de faixa de dezenas, sem padrões de linhas/colunas, sem se basear em concursos anteriores, ou seja, da mesma forma que é feito um sorteio.

Escolha aleatória ou randômica não se baseiam em nada e, assim, seguem naturalmente as mesmas probabilidades dos sorteios. Se é improvável sair 6 números em sequência na mega sena, também será na escolha aleatória. Se é mais comum sair a mesma quantidade de dezenas pares e ímpares, também será na escolha aleatória, etc.

No sistema de fechamentos, temos a opção de “completar” ao escolher as dezenas. Esta escolha é feita pelo sistema de forma totalmente aleatória.

Intuição

Outro método 5 estrelas que ainda merece um destaque e não poderíamos deixar de fora é apostar com intuição.

Nem todo mundo acredita nisso, então prefira usar outros métodos. Mas aqueles que tem o pressentimento que tais números serão sorteados, não podem ser ignorados.

E contra isso, não temos argumentos. Afinal, a intuição é puramente inconsciente e não cabe fazer uma análise racional ou lógica desse método de escolha. É particular (cada um usa a sua).

IMPORTANTE

Não confunda escolha aleatória de números com apostas aleatórias. A aposta Surpresinha escolhe os números de forma aleatória, mas também obriga que sejam feitas apostas aleatórias.

Aqui só falamos sobre escolha de números que, na verdade, podemos fazer muito pouco para dar uma “ajudinha” na sorte. Mas sobre a maneira de combinar esses números para gerar as apostas, existem estratégias para isso: você pode ter sorte na escolha dos números, mas mesmo assim não saber aproveitá-la. Isto é comum quando se acerta os números sorteados, porém em cartões diferentes e não ganha nenhum prêmio.

Fechamentos são combinações de apostas geradas especificamente para garantir, no mínimo, determinados prêmios caso acerte alguns (ou todos) palpites.

ESQUEMA PARA GANHAR NA LOTERIA